Olá, pessoas! Tudo bem?

Vamos dar continuidade as postagens de Londres hoje, falando de dois passeios pagos que valem a pena fazer na cidade. Tenho várias outras coisas para contar para vocês, de livros e séries, mas acredito que vou deixar para depois das postagens de Londres para seguir uma “ordem”.

Os dois passeios de hoje são atrações pagas, mas que na minha opinião, foi um dinheiro bem gasto.

Por falar em “ver Londres do alto”, já da para imaginar que vamos começar falando sobre a London Eye né? É!

Cartão postal da cidade e uma das atrações mais visitadas por turistas, quem vai conhecer a terra da Rainha não pode deixar de fazer esse passeio.

Para quem não conhece, a London Eye é uma roda gigante de observação e sua inauguração ocorreu na virada de 31 de dezembro de 1999 para os anos 2000. Até 2006 era a maior do mundo, mas atualmente é a 3ª maior, com 165m. Fica na margem do rio Tâmisa, próximo aos principais pontos turísticos de Londres: o Big Ben e a Westminster Abbey.

A volta completa leva em torno de 30 minutos, e como ela está sempre em movimento, não para pras pessoas subirem e descerem, ou seja, mesmo quando a fila está relativamente grande, a espera para o passeio não é tão demorada.

As estações do Underground mais próximas são a Westminster e a Waterloo.

Quanto custou? Eu comprei um combo de 4 atrações por £59,00.

O ingresso apenas para a London Eye custa em média £23,00. Mas comprando nos sites oficiais dessas atrações, a gente encontra combos bem mais em conta. O meu eu comprei no site da Madame Tussauds, e o valor varia de acordo com as atrações que você coloca no combo.

Minha opinião sobre o passeio: vale a pena? Claro que vale! Mas confesso que esperava um pouco mais, não sei o que a mais eu esperava, mas não fiquei tããão empolgada lá dentro como imaginei que ficaria. Talvez porque o dia que fui no passeio não era o que eu tinha programado para ir. Porque descobri que na semana seguinte eles iam fechar para manutenção e permaneceriam fechados até o dia que eu ia embora, então fui meio que “em cima da hora” e na correria. Mas vale muito a pena, é bem legal sim, o ideal é ir num dia de sol, como podem perceber na foto, o dia que fui estava mais ou menos.

Passeio-london-eye-londres

Eles também fazem passeios “especiais” que obviamente custam mais caro, como passeio no dia dos namorados, no ano novo e outras opções. Para ver preços e opções podem acessar o site.

 

E o segundo passeio, não sei porque não é muito conhecido. Pelo menos eu não fazia ideia que existia, nunca vi nenhum blog falando sobre e descobri no dia que fui jantar com meus ex-chefes que atualmente moram em Londres. Eles me indicaram esse passeio, falando que é bem legal, (thanks, Marco!!!) e se chama: Emirates Air-line.

É um passeio de bondinho, tipo os que temos no Brasil (no Parque Unipraias em Balneário Camboriú e no Pão de Açúcar no Rio de Janeiro) e conseguimos ver Londres de cima também.

Esse passeio é bem mais novo do que a London Eye, e talvez por isso não é tão conhecida, com tempo aproximado de 10 minutos (só de ida) os cabos cruzam o rio Tâmisa desde a Península de Greenwich até as Docas (Royal Victoria Dock). Foi aberta um pouco antes dos Jogos Olímpicos de Londres em 2012.

As estações do Underground mais próximas são: North Greenwich (pelo lado da Península) e Royal Victoria Satation (pelo lado das docas).

Quanto custou? Eu paguei £8,40, porque comprei duas passagens, uma de ida e outra de volta. Na verdade ida e volta para adulto custa £10,30 se eu não me engano, mas quem tem o Oyster Card ganha desconto.

A passagem individual eu não lembro se custa a metade do preço ou se é um pouco mais. Como a estação do Underground do outro lado já fazia parte da Zona 3, meu cartão não passava para voltar de metrô, e como estava chegando a hora do pôr-do-sol, para mim valia a pena pegar ida e volta.

Como eu estava sozinha, em um dia com baixíssimo movimento (mas acredito que não tenha muito porque não é tão conhecido), mesmo com duas pessoas atrás de mim, deixaram eu ir na cabine sozinha.

Minha opinião sobre o passeio: Vale a pena? DEMAIS! Eu adorei, gostei muito mesmo. Me indicaram não ir em um dia que tivesse muito vento porque as cabines podem balançar e dar um medinho (hahahaha). Como podem ver na foto, peguei um dia bem mais legal do que quando fui na London Eye.

Esse passeio não tem opção de venda de ingressos online, apenas no local. E para ganhar o desconto do Oyster é necessário mostrar ele na hora.

Espero que tenham gostado das dicas de hoje 🙂

Beijos
Reserve sua estadia em Londres pelo Booking e nos ajude a manter o blog <3.


Booking.com

2 Passeios para ver Londres das alturas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *